sábado, 18 de dezembro de 2010

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Tudo muito incerto...

Lembra-se quando disse, não sei o que é amor!? Acho que nunca amei ninguém...
Amor não é pra sempre? Dizem que quando amamos alguém, digo, amor entre um homem e uma mulher jamais é esquecido, mesmo que se tomem rumos diferentes.

Não me lembro de ter amado alguém, e todas as vezes que acho que é amor, descubro com o tempo que não é... Será um defeito meu... Talvez... Por procurar nos outros aquilo que não encontro em mim, por não acreditar mais no ser humano e nunca ter acreditado no tal do amor entre homens e mulheres.

Cada sentimento é especial e grandioso, mas com o tempo se torna incerto. O medo do nada, medo do que não sei, e medo do que será.

As pessoas dizem amar varias vezes, amar mais de uma pessoa, será mesmo? Não sei, por ainda não ter certeza, ainda espero meu único amor.

domingo, 26 de setembro de 2010

Chuva...

Enfim chuva...
A algum tempo não me sentia assim... Mas após algumas verdades, pude refletir.
Muitas vezes a imaturidade me incomoda, ela atrapalha... Muitas vezes pensei, talvez se a maturidade viesse além do tempo, não haveria tantas duvidas ou confusões.

Mas além de tudo, tenho aprendido muito nesses últimos dias... E cheguei a conclusão de que, cada dia temos algo novo a aprender, apesar de viver até um tempo atras em mundo de fadas, hoje me sinto mais forte e apesar da dor de descobrir que as coisas não são como imaginamos, pelo menos descobri... Não é!?

Hoje sei que "quase" ninguém no mundo não merece de mim um suspiro se quer... E que mesmo se as tivessem, não dariam valor.

Como pude...




quinta-feira, 26 de agosto de 2010

...

Amar não é olhar um para o outro, é olhar juntos na mesma direção.
Antoine de Saint-Exupéry

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

quarta-feira, 14 de julho de 2010

eyes

Hoje em seus olhos eu me vi, eu vi... Meu coração bateu mais forte. Mesmo como está, é bom sentir estas coisas novas, estranhas e diferentes. E sei, eu sei que não é somente isto, não ficará nisto... Tem algo mais na historia. Ilusão...!?

sábado, 5 de junho de 2010

Só uma coisa me entristece
o beijo de amor que não roubei
a jura secreta que não fiz
a briga de amor que não causei

nada do que posso me alucina
tanto quanto o que não fiz
nada que eu quero me suprime
de que por não saber ainda não quis

só uma palavra me devora
aquela que meu coração não diz
só o que me cega o que me faz infeliz
é o brilho do olhar que não sofri

M. Bethania

terça-feira, 1 de junho de 2010

terça-feira, 25 de maio de 2010

Ilustrações de Natalie Shau

Natalie Shau é uma designer gráfica lituana que agora trabalha e vive na Grécia. Em suas obras ela combina fotografia, tecnologia digital e modelagem 3D, criando estranhas, enigmáticas, coloridas e por vezes surreais e assustadoras obras que definitivamente cativam pela essência de apelo emocional.

Shau vai buscar inspiração no imaginário religioso, suas ilustrações remetem a contos de fadas clássicos da literatura russa em face de Gogol e Dostoievski. Carregadas de sentimentos e mensagens indiretas, que por alguns até são interpretadas por subliminares.

Sua preferência é nítida por traços e ângulos femininos, porém os cenários de fundo, cores e até mesmo intenções são múltiplas, que por vezes transpõem o óbvio e despertam nos observadores os mais intensos sentimentos, estes que se confundem com uma ingenuidade erótica que é inerente ao traço de Shau.

http://natalieshau.carbonmade.com/








Ilustrações By: Joy Ang




segunda-feira, 24 de maio de 2010

as vezes calha da escolha não falhar. as vezes rola do espaço não se espalhar. eu te demoro porque eu quero. não tenho medo do que eu espero: andar de mão dada.

- l. novaes (lettuce)
eu entendo quando a palavra amor não tem significado nenhum. desde que seja por um dia ou outro.


 f. abrantes

quinta-feira, 20 de maio de 2010

I would like a little boat, a little house, a little fortune, and, if possible, a big woman!

@DeJotaCesar

terça-feira, 18 de maio de 2010

Vida...

Cada um que passa em nossa vida passa sozinho...
Porque cada pessoa é única para nós, e nenhuma substitui a outra...
Cada um que passa em nossa vida passa sozinho, mas não vai só...
Levam um pouco de nós mesmos e deixam um pouco de si mesmos.
Há os que levam muito, mas não há os que não levam nada.
Há os que deixam muito, mas não há os que não deixam nada.
Esta é a mais bela realidade da vida... A prova tremenda de que cada um é importante e que ninguém se aproxima do outro por acaso!

Antoine De Saint-Exupery

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Illustrations female, are my favorites.
Confira mais em: Smashing Magazine







sexta-feira, 14 de maio de 2010

Fizeram a gente acreditar que amor mesmo, amor pra valer, só acontece uma vez, geralmente antes dos 30 anos. Não contaram pra nós que amor não é acionado, nem chega com hora marcada.

Fizeram a gente acreditar que cada um de nós é a metade de uma laranja, e que a vida só ganha sentido quando encontramos a outra metade.

Fizeram a gente acreditar numa fórmula chamada "dois em um": duas pessoas pensando igual, agindo igual, que era isso que funcionava. Não nos contaram que isso tem nome: Anulação. Que só sendo indivíduos com personalidade própria é que poderemos ter uma relação saudável.

Fizeram a gente acreditar que casamento é obrigatório e que desejos fora de hora devem ser reprimidos. Fizeram a gente acreditar que os bonitos e magros são mais amados, que os que transam pouco são caretas, que os que transam muito não são confiáveis, e que sempre haverá um chinelo velho para um pé torto. Só não disseram que existe muito mais cabeça torta do que pé torto...

Fizeram a gente acreditar que só há uma fórmula de ser feliz, a mesma para todos, e os que escapam dela estão condenados à marginalidade. Não nos contaram que estas fórmulas dão errado, frustram as pessoas, são alienantes, e que podemos tentar outras alternativas.

Não contaram que ja nascemos inteiros, que ninguém em nossa vida merece carregar nas costas a responsabilidade de completar o que nos falta: a gente cresce através da gente mesmo. Se estivermos em boa companhia, é muito mais agradável!

Ah, também não contaram que ninguém vai contar isso tudo pra gente. Cada um vai ter que descobrir sozinho.

E aí, quando você estiver muito apaixonado por você mesmo, vai poder ser muito feliz e se apaixonar por alguém.

J. Lennon

quinta-feira, 13 de maio de 2010

There She Goes



Sixpence None The Richer

quarta-feira, 12 de maio de 2010

Works & Love

Everything is getting closer and closer

terça-feira, 11 de maio de 2010

assim o mais profundo pensamento é um coração batendo.


c. lispector
Tenho um amor fresco e com gosto de chuva e raios e urgências. tenho um amor que me veio pronto, assim, água que caiu de repente , nuvem que não passa. me escorrem desejos pelo rosto pelo corpo. um amor susto. um amor raio trovão fazendo barulho. me bagunça. e chove em mim todos os dias.


c. f. abreu

Senhas

Eu não gosto de bom gosto
Eu não gosto de bom senso
Eu não gosto dos bons modos
Não gosto

Eu aguento até rigores
Eu não tenho pena dos traídos
Eu hospedo infratores e banidos
Eu respeito conveniências
Eu não ligo pra conchavos
Eu suporto aparências
Eu não gosto de maus tratos
Mas o que eu não gosto é do bom gosto
Eu não gosto de bom senso
Eu não gosto dos bons modos
Não gosto

Eu aguento até os modernos
E seus segundos cadernos
Eu aguento até os caretas
E suas verdades perfeitas
o que eu não gosto é de bom gosto
Eu não gosto de bom senso
Eu não gosto dos bons modos
Não gosto

Eu aguento até os estetas
Eu não julgo a competência
Eu não ligo para etiqueta
Eu aplaudo rebeldias
Eu respeito tiranias
E compreendo piedades
Eu não condeno mentiras
Eu não condeno vaidades
o que eu não gosto é do bom gosto
Eu não gosto de bom senso
Eu não gosto dos modos
Não gosto

Eu gosto dos que têm fome
Dos que morrem de vontade
Dos que secam de desejo
Dos que ardem...

A. Calcanhotto

sexta-feira, 7 de maio de 2010

What do you want to do next?
O fotografo Paco tem um estilo que me encanta, esta sessão de fotos de uma casa abandonada, mais precisamente um banheiro me traz diferentes tipos de sentidos. É um dos meus favoritos do "Olhares" e este retrato de abandono ao mesmo tempo em que rústico, histórico, traz a mim somente um pensamento: este lugar já foi pra alguém, um "lar doce lar". Vem-me a tona inúmeros sentimentos que dificilmente é despertado no dia a dia.







terça-feira, 4 de maio de 2010

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Stop the Violence

Em protesto contra a guerra e a violencia e para chamar a atenção
para as consequencias que as mesmas podem causar, Francois Robert
criou estas esculturas feitas de ossos Humanos (reais).

Clique na imagen para ampliar





Realmente importa?

Seus olhos lacrimejam

Porém seu olhar é frio
diante dos meus objetivos.

Você sempre passa...
A impressão é de orgulho,
talves medo.



E tudo que sonhei
joguei no lixo.

Seu amor não é meu,
e não será de ninguém
pois seu amor é imaturo
pois seu amor é orgulho.

Eu sei que você me adora
mas seu amor é imaturo
Sei que você me deseja
mas você é orgulho.

Apesar de triste
estou bem sem você
Pois você é tão importante
para mim, quanto o sol
para as pedras.
Mas é claro que o sol vai voltar amanhã , mais uma vez! Escuridão já vi pior, de endoidecer gente sã... espera que o sol já vem!...

terça-feira, 27 de abril de 2010

Japan *-*

Se um dia eu puder conhecer outro País seria o Japão, em questões culturais o mais admiravel, um país que consegue ser tecnologico e ainda manter uma cultura milenar. Look ;)






















quinta-feira, 22 de abril de 2010

Esta é uma das obras de Egon Schiele que mais gosto, tenho uma replica em um quadro e assim sem querer a encontrei na internet, apreciem-na.

Sitting Woman With Legs Drawn Up

1917; Narodni Galerie, Prague

Interlude

O tempo é como um sonho
E agora, por um tempo, você é meu
Vamos nos agarrar rápido ao sonho
Que tem o gosto e as bolhas do vinho
Quem sabe
se isso é real
ou apenas algo que estamos ambos sonhando?
o que agora parece um interlúdio
poderia ser o começo do amor
amar você
É viver em um mundo que é estranho

Muito mais do que meu coração pode suportar
amar você
Faz todo o mundo mudar
Amando você, eu não poderia envelhecer
Não, ninguém sabe
Quando o amor terminará
Então até lá, doce amigo...
O tempo é como um sonho

E agora, por um tempo, você é meu
quem sabe
Se isso é real
Ou apenas algo que estamos sonhando?

O que agora parece um interlúdio
poderia ser o começo do amor...

S. & Banshees

terça-feira, 20 de abril de 2010

Como acordei mais Light, hoje estou inspirada para apreciar belas Ilustrações, eu realmente gostaria de postar todas mas não posso, então vai algumas das ilustrações de Audrey kawasaki.
Você podem conferir mais em: http://www.audrey-kawasaki.com














segunda-feira, 19 de abril de 2010

06:57AM - Ainda me sinto exausta, pele queimada; 08:45AM
me animo com nossas músicas, 10:15AM Me animo com as
músicas dele; 11:22AM Estou feliz por que vou vê-la, 13:15PM
a partida não me agrada, 13:58PM relembrando alguns problemas;
14:00PM penso, penso... Talvez um bromoprida me faça esquecer
essa ansia do mundo. 14:25PM Algumas lagrimas vieram assim...
sem querer... 14:26PM carência do toque; 16:50PM me irrito,
simplesmente não suporto pessoas imaturas e inconseqüentes; 

16:59PMAinda irritada, meu maior desejo neste segundo seria, whisky & cigarettes ao bom som do The Doors na escuridão do meu quarto. 17:54PM Enfim o descanso, enfim...





18:52PM Sei quando gosto de alguém, os meus olhos 
sorriem 
quando 
te 
penso; 19:09PM "O mundo virtual é: Solitário" 
20:26PM 
está quente aqui, 
lembro de bons momentos da vida; 
20:30PM Olhando fotos de meus contatos 
vejo: simplicidade 
de uns, 
alegria de outros, muitas vezes inocência, luz... 
Porém  decadente o quanto alguns são mascarados, futeis, 
vazios e não 
passam de aparência, pobres mortais...

terça-feira, 13 de abril de 2010

GRRR

Ich bin sehr wütend!
=(

...

I dreamed of you tonight

segunda-feira, 12 de abril de 2010

Are You Still Mad?

Você ainda está furioso por eu ter lhe chutado para fora da cama?

Você ainda está furioso por eu ter lhe dado ultimatos?
Você ainda está furioso por eu ter tido um caso afetivo?
Você ainda está furioso por eu ter tentado moldá-lo do modo que eu gostaria que você fosse?


É claro que está


Você ainda está furioso por eu ter estado em dúvida?
Você ainda está furioso porque dormimos juntos mesmo após termos terminado?


É claro que está.
Você ainda está furioso por eu ter vestido calças a maior parte do tempo?
Você ainda está furioso por eu ter desistido bem antes de você?


É claro que está.


A. Morrisete

Voir les photos délices d'un auteur favori

www.olhares.com/andua

SPLASH FUN!

sábado, 10 de abril de 2010

terça-feira, 6 de abril de 2010

formspring.me

Ask me anything! http://formspring.me/SUandBANSHEES
Acho o pensamento tão coerente que me aposso sem questionar. a sensibilidade me afeta desde o útero. O da minha mãe. e eu repito: raro os que me surpreendem. é a falta. ainda. do sensivel. nos outros.


Ask me anything! http://formspring.me/SUandBANSHEES

segunda-feira, 5 de abril de 2010

Hoje acordei meio...

Clementine kruczynski




I'm confused, sorry ...